quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Ter ou não ter um blog

Na tarde de segunda-feira (dia 15 de setembro), o professor Daniel Cristino, meu colega "bem jovem" na UFG, me perguntou os motivos por que eu não tinha um blog. Motivos? A falta: de confiança na informática blogueira; de tempo.


A idéia foi dele. No dia seguinte, eu já tinha o auxílio luxuoso da Cecília Paes, da Luísa e do meu sobrinho judeu, Pedro Nogueira Winitz. Sempre conto com a ajuda de outro sobrinho não-judeu: Marcelo Nogueira. Passada a desconfiança e a certeza de que eles continuariam por perto, criei coragem e lancei o blog.

O professor e jornalista Eduardo Horácio ficou horas na tarde/noite de terça-feira, acertando a parte gráfica e ensinando as postagens e outros procedimentos. Merci!!!

Nossa proposta é falar de cinema de forma bem tranqüila, coloquial e acessível. Os textos acadêmicos estarão disponíveis nos links. Daniel e Eduardo falaram rasgado: participar do mundo dos blogs é uma forma de continuar o diálogo, a aliança e o "desentendimento" com a geração mais nova.

Pensei: "E com as demais gerações!!!" Geração do rock, do samba, do Cinema Novo, das artes plásticas, da MPB, do jazz, da literatura e da dança. Dizem que, efetivamente, só mesmo as artes e as humanidades nos salvam - e poucas e boas religiões.

Eu acredito...

Lisandro Nogueira

18 Comentários

João Bosco disse...

Acessei o seu blog. Ficou muito bom. Agora você tá blogado não só com os jovens , mas também com a melhor idade. Valeu grande. Um abraço.

Lisandro Nogueira disse...

João,
Você é especial.
Grande educador dos jovens e orientador dos adultos.
Gosto de você.

carloskaran disse...

eu tenho preguiça mesmo de criar um blog, lisandro.
Mas adoro comentar (é muito melhor dar pitaco do que ficar exposto a eles hehe).
O que você achou de Blindness?
Me emocionou bastante.

carloskaran disse...

P.S.: morri de rir com o "judeu" e "não-judeu" ahhaha

Lisandro Nogueira disse...

Karan,
Não gostei muito do Ensaio sobre a cegueira. Meirelles é muito preocupado com Glauber Rocha. Vive falando mal daquele q morreu em 1981. Fez esse filme para mostrar q consegue realizar "filme de arte". Vou ver mais uma vez e comento c/você. ps: meu sobrinho judeu é inteligente e sabe tudo de informática. Mas quer me levar para conhecer Israel - não vou de forma alguma.

Lisandro Nogueira disse...

Olá Karan,
Na quinta, o Galligaris escreveu sobre "Ensaio sobre a cegueira". Discordo de quase tudo: há um maniqueísmo cristão como pano de fundo. A "sofisticação do filmes" esconde um esqueminha de melodrama. Leia e vamos ver o filme de novo.

amocadofigo disse...

quem não pega mais aula com você, acredite, ficou muito feliz de saber sobre o blog, achou uma ótima iniciativa para ter onde ler o que você escreve ;)

Vida longa ao "blog do Lisandro Nogueira"!! \o/\o/\o/

obs.:sobre o cine UFG, cada filme que entra, fica em cartaz por quanto tempo? Depende do filme ou é igual para todos?

Lisandro Nogueira disse...

Obrigado!! vamos manter contato. O filme no Cine UFG fica 2 semanas em cartaz (veja comentário sobre filme em cartaz no blog). Em alguns casos, o filme permanece apenas uma semana. Apareça!! É o mais bem equipado cinema da cidade.

Anônimo disse...

Que bom que entre "ter ou ter um blog" você se rendeu!!! Ficou muito bom, não só pelas informações do que está rolando nas telas, como também os seus comentários!! e ainda poesia!!
Pra mim, me ajuda inclusive nas nossas discussões.
Muuuito bom, abração

Soraia disse...

"anônimo"?....eu ainda apanho disso!!
Digo que gostei e assino embaixo

Lisandro Nogueira disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

Lisandro Nogueira disse...

Soraya,
A moça anônima é doce e tímida. Gostei de vê-la na palestra do Ismail. Ele generoso e gosta de Goiânia. Estava em Chicago e Leeds. Vai para Alemanha. Vem aqui porque gosta de todos nós. Um beijo do amigo Lisandro.

Flavia disse...

Lisandro, gostei muito do blog, bom porque posso daqui de Sao Carlos matar as saudades de você e das suas tiradas... Abração! Flávia

Lisandro Nogueira disse...

Olá Flávia,
é um prazer o contato com você. O blog é nosso participe. Um abraço para o Oto: família da linguística.
Veja "Jejum de ammor": lembro sempre dos nossos papos sobre o "feminismo".

Marcello disse...

Lisandro,

gostei muito da iniciativa de ter um blog. De vez em quando assisto aos seus pronunciamentos no jornal do Pancieri. Já acompanho seu trabalho há algum tempo, especialmente a partir de "O amor, a morte e as paixões". Pena que acabou... Na maioria das vezes discordo do que você opina...Mas gosto muito da sua figura, da sua simpatia, do jeito como fala. É tão cortês que até já me cumprimentou na rua! Isso que manda eu ser uma admiradora anônima do cinema: minhas aparições corriqueiras não evitam meu desejo de passar despercebida...
Vou sempre ver seus posts por aqui. E vou comentar sim...

Um abraço,
Luana Luterman.

Marcello disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcello disse...

E que fique bem claro: não é em razão de eu discordar que não admiro suas falas. Gosto sim - e já concordei com muitas das suas críticas. Legal esse seu ar de especialista em cinema que paira em Goiânia.

(Por que meu nome é Marcello? Não entendi! Juro que só aconteceu isso comigo virtualmente...Sou conhecida como Luana...Espero que a fluidez da identidade pós-moderna não tenha alcançado o mundo virtual...).

Lisandro Nogueira disse...

Olá Luana,
que bom ler seus posts. Bom, sou professor de cinema, gosto de pensar via cinema e gosto de contar sempre com o debate. Apareça sempre por aqui.

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo! Participe!

 

Blog do Lisandro © Agosto - 2009 | Por Lorena Gonçalves
Melhor visualizado em 1024 x 768 - Mozilla Firefox ou Google Chrome


^